Partilhe nas Redes Sociais

PUB

Ataques informáticos vão custar 6 biliões de dólares até 2021

Publicado em 12 Setembro 2019 | 118 Visualizações

Até 2021, as perdas resultantes de ataques informáticos vão atingir os 6 biliões de dólares a nível global, um valor que soma custos resultantes deste tipo de incidentes, perda de receitas por falhas na atividade e multas, mais expressivas depois da introdução do RGPD. Os investimentos em segurança têm vindo a ser reforçados, mas ainda assim não devem ultrapassar o bilião de dólares nos cinco anos anteriores a 2021, em termos acumulados. 

Os dados constam do relatório Prepare for the expected: Safeguarding value in the era of cyber risk, da Aon. Mostram que entre os vários danos causados por ataques informáticos, aqueles que se prolongam no tempo, como os danos de reputação, são os mais impactantes, porque podem comprometer o valor de mercado da empresa, prejudicar a lealdade dos clientes e abrandar o ritmo da transformação digital.  

No estudo a corretora de seguros identifica um conjunto de etapas consideradas essenciais para blindar a empresa aos riscos do mundo digital. Destaque para a necessidade de posicionar o tema da gestão de risco como um esforço transversal à empresa, que carece de uma resposta multidisciplinar e multinível.

A pesquisa concluiu ainda que as empresas já não podem contar apenas com uma equipa de resposta a incidentes contratada depois de um ataque, já que o planeamento de cenários e todo um trabalho prévio é fundamental para a eficácia da resposta. 


Um estudo anterior da empresa tinha já identificado o cibercrime com uma das cinco preocupações mais apontadas pelos gestores portugueses para este ano.


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados