Partilhe nas Redes Sociais

Broadcom compra VMware por 67 mil milhões de dólares 

Publicado em 27 Maio 2022 | 337 Visualizações

Confirmando os rumores das últimas semanas, a Broadcom anunciou a aquisição da VMWare, num negócio que vai valer 61 mil milhões de dólares e que volta a associar a empresa especialista em virtualização a um grande grupo. 

Recorde-se que a VMWare fazia parte da Dell Technology. Tinha sido comprada pela EMC em 2003 e quando a Dell comprou a empresa, em 2015 por cerca de 67 mil milhões de dólares, passou para o universo Dell. Foi no ano passado autonomizada, num spin-off que manteve dois quintos do capital da empresa nas mãos de Michael Dell, fundador da tecnológica. 

A Broadcom é um fabricante de semicondutores com uma presença forte a nível global no fabrico de chips para equipamentos domésticos como boxes de televisão ou internet. Nos últimos anos tem investido em força na diversificação de ativos, sobretudo em software empresarial. 

Comprou a divisão de segurança da Symantec e a CA, a Heptio, a Pivotal ou a Carbon Black, da área da cibersegurança. Só os dois primeiros negócios envolveram valores de 11 e 18 mil milhões de dólares, respetivamente. 

A companhia tentou ainda fazer outras compras de peso nos últimos anos, com menos sucesso, como aconteceu com a tentativa de aquisição da Qualcomm em 2018, por 130 mil milhões de dólares.

Os dados da Gartner indicam que a VMWare terminou o ano passado como a principal empresa a nível global de software de virtualização, com uma quota de mercado de 72% e uma receita de 5,9 mil milhões de dólares. 

Para que o negócio seja finalizado carece ainda de aprovação regulatória, que deve chegar nos próximos meses.


Publicado em:

Negócios

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados