Partilhe nas Redes Sociais

Cloud eleva resultados da Commvault

Publicado em 4 Maio 2017 por Ana Rita Guerra | 410 Visualizações

A fornecedora de soluções de backup e arquivamento Commvault obteve receitas recorde no ano fiscal de 2017, findo a 31 de março. A transição para a cloud foi a grande responsável pela performance financeira, com um crescimento de 9% nas receitas globais para 650,5 milhões. As receitas provenientes de software ascenderam aos 296,4 milhões, um aumento de 15% face ao ano fiscal de 2016. Já os serviços representaram 354,1 milhões, mais 5%. Os resultados foram melhores que o antecipado pelo mercado.

«Acreditamos que estabelecemos uma posição de liderança no software de gestão moderna de dados para grandes empresas de e para a cloud, na cloud, e de cloud para cloud, em ambientes híbridos, on premises e em ambientes móveis», afirmou o CEO da Commvault, N. Robert Hammer.  O executivo referiu que «todas as regiões geográficas» contribuíram para o crescimento, numa altura em que a empresa procura expandir a sua base de clientes. As parcerias recentes com a Cisco e a Pure Storage refletem essa estratégia.

A empresa tem tido altos e baixos nos lucros, tendo reportado prejuízos nalguns trimestres. Desta vez, reportou lucros de 3,2 milhões de dólares no quarto trimestre, melhor que o previsto em Wall Street, totalizando cerca de meio milhão de dólares no ano inteiro. O CEO atribuiu a recuperação a uma «melhor execução das equipas de vendas», que permite «maior confiança» à entrada do ano fiscal de 2018.

No último ano, as ações da Commvault mantiveram uma trajetória ascendente, valorizando 18%. A parceria que a empresa assinou com a Pure Storage integra a sua plataforma de dados e a IntelliSnap na FlashStack (solução de infraestrutura convergente disponibilizada pela Pure Storage e pela Cisco). Já a solução apresentada em conjunto com a Cisco no ano passado foca-se na proteção e recuperação de dados.


Publicado em:

Negócios

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados