Partilhe nas Redes Sociais

Ericsson e Cisco unidas pelas redes do futuro

Publicado em 10 Novembro 2015 | 509 Visualizações

A Ericsson e a Cisco juntaram-se para corresponder aos desafios dos novos contextos tecnológicos.

A joint venture será suportada por vários acordos que incluem compromissos de transformação de redes através de arquiteturas de referência e desenvolvimentos conjuntos, gestão e controlo baseados em sistemas, um acordo alargado no âmbito da revenda, e colaborações em segmentos de mercado emergentes considerados chave.

As companhias acordaram ainda em discutir as políticas FRAND e em estabelecer um acordo de licenciamento no que respeita aos seus respetivos portefólios de patentes, permitindo assim uma inovação conjunta sem precedentes e conferindo ainda mais confiança aos clientes de ambas as organizações. Como parte do acordo, a Ericsson vai receber taxas de licenciamento por parte da Cisco.

Com mais de 56.000 patentes em conjunto, 11 mil milhões de dólares de investimento em investigação e desenvolvimento e mais de 76 mil profissionais de serviços ao dispor de clientes em mais de 180 países, a irão beneficiar de receitas incrementais no ano de calendário de 2016, que poderão rondar os mil milhões de dólares (ou mais) até 2018.

São ainda esperadas novas e maiores oportunidades, já que a parceria permite que ambas as empresas combinem esforços e investimentos para facultarem maior valor nos mercados em crescimento.

Equipas de ambas as companhias também vão começar a trabalhar numa iniciativa conjunta focada em SDN/NFV e em gestão e controlo de rede.

De acordo com Chuck Robbins, CEO da Cisco, o ritmo acelerado do mercado exige que as empresas para serem bem-sucedidas tenham «parcerias certas para melhorar a inovação, acelerar o crescimento e o valor para o cliente».


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados