Partilhe nas Redes Sociais

PUB

FogProtect vai proteger dados sensíveis em transações. Ubiwhere lidera projeto europeu

Publicado em 19 Março 2020 | 830 Visualizações

A Ubiwhere anunciou que está a desenvolver uma tecnologia para a proteção de dados sensíveis em transferências. A solução chama-se FogProtect e está a ser desenvolvida em consórcio, no âmbito de uma iniciativa financiada pela Comissão Europeia e coordenada pela empresa de Aveiro. 

O FogProtect permite assegurar uma «transferência de dados sensíveis de forma segura de ponta-a-ponta, nomeadamente desde sensores IoT, através do ponto de processamento, até à Cloud e, por fim, dispositivos móveis», explica a empresa. 

As soluções desenvolvidas a partir da tecnologia vão poder ser usadas para diferentes fins, num leque abrangente de serviços e aplicações, tirando partido de um conjunto de características-chave da tecnologia: encapsulamento protegido de dados de container; serviço inteligente e automático de proteção de dados e gestão de recursos; gestão avançada de políticas de proteção e privacidade de dados; modelos e ferramentas para diminuir o risco na proteção dinâmica de dados.

No âmbito do projeto vão ainda ser realizados três pilotos para demonstrar as capacidades da tecnologia num contexto de distribuição de conteúdo audiovisual, indústria 4.0 e Smart Cities. Este último piloto, também será liderado pela Ubiwhere. 

O projeto foi apresentado em Aveiro, no passado mês de fevereiro. Vai estar no terreno ao longo dos próximos 36 meses e vai culminar no desenvolvimento de soluções específicas para várias áreas.

Ao Ntech.news, a empresa de Aveiro explicou que, nesta fase inicial, o foco do consórcio está em desenhar a arquitetura geral da tecnologia. «Numa fase posterior será desenvolvida e validada a tecnologia nos respetivos use cases (entre os quais o nosso)».

Depois de recolhido o feedback dos três pilotos, a tecnologia será “fechada” e segue-se a fase de criação de produtos finais, que possam integrar os desenvolvimentos testados.

Deste consórcio fazem também parte empresas como a Nokia, IBM ou Thales e universidades como a de Southampton, entre outros parceiros.


Publicado em:

Projetos

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados