Partilhe nas Redes Sociais

Investigador da Priberam distinguido com trabalho na área da inteligência artificial 

Publicado em 3 Fevereiro 2023 | 414 Visualizações

A primeira edição do prémio Vencer o Adamastor foi ganha por Gonçalo Correia, investigador da Priberam, que desenvolveu um novo método para endereçar dois dos principais problemas dos modelos de aprendizagem automática: o impacto ambiental e a transparência. 

Este método permite reduzir de forma significativa os elevados recursos de computação necessários para trabalhar os modelos de IA e “foca-se na utilização de modelos neuronais em processamento de linguagem natural com o objetivo de melhorar a sua transparência e eficiência”, como explica o autor.  

Recorre a técnicas relacionadas com ‘esparsidade’ e já inspirou o desenvolvimento de outros modelos métodos também orientados para a diminuição da pegada ecológica de grandes modelos de linguagem e para a melhoria da sua transparência e interpretabilidade. 

O prémio Vencer o Adamastor é promovido pelo INESC e pelo jornal Público e foi criado para reconhecer o trabalho de jovens investigadores na área da eletrónica, computação e Tecnologias de Informação e Comunicação. O projeto Modelos Neuronais mais Transparentes e Compactos Usando Esparsidade nasceu da tese de doutoramento do autor.


Publicado em:

Talento

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados