Partilhe nas Redes Sociais

Israelita Shield escolhe Portugal para fixar hub de inovação 

Publicado em 12 Julho 2022 | 115 Visualizações

A empresa israelita Shield escolheu Lisboa para fixar um hub de inovação que vai contribuir para o desenvolvimento de soluções para os diferentes projetos e clientes da empresa a nível internacional e dar suporte à casa-mãe da empresa, em Israel. 

A Shield desenvolveu uma plataforma e controlo de comunicações, baseada em inteligência artificial, que analisa o ciclo de vida das comunicações para ajudar as instituições financeiras a garantirem requisitos de conformidade, mitigar riscos, detetar abusos de mercado, fazer análises comportamentais ou automatizar a vigilância dos canais de comunicação.

Em janeiro, a empresa fechou uma ronda de financiamento Série A de 15 milhões de dólares, capital que vai usar na expansão da operação e aperfeiçoamento do produto.                      

«Escolhemos Portugal pela qualidade do talento tecnológico que existe. É um país com muito potencial, não só devido às boas universidades e aos bons profissionais, mas também devido ao seu próspero ecossistema tecnológico e empresarial, que já produziu unicórnios e startups no valor de milhares de milhões de dólares», admite Nuno Hortênsio, Country Manager da Shield. 

Numa primeira fase, a estrutura local vai ter equipas de desenvolvimento. No futuro, o objetivo é que integre também profissionais das áreas de arquitetura de soluções e cloud. Para já, a empresa procura, entre outros, programadores e gestores de software especializados, com experiência em Java, Angular e JavaScript.

Os responsáveis acreditam que a proposta profissional que a companhia tem para oferecer a quem contrata é «muito atrativa» e diz que a isso junta-se também uma cultura «baseada em princípios de work-life balance e progressão profissional de grande valor e muito justos». Para ajudar a cativar talento, a empresa vai também estabelecer protocolos com universidades portuguesas.

 A «Shield é uma empresa em rápido crescimento. Portugal é uma das nossas iniciativas estratégicas para os próximos anos», assegura Ofir Shabtai, co-fundador e CTO da empresa. 


Publicado em:

Startups

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados