Partilhe nas Redes Sociais

Lisboa ganha cluster de robótica

Publicado em 6 Março 2017 | 727 Visualizações

A iniciativa é promovida pela Câmara Municipal de Lisboa, mas à data de lançamento já envolve um conjunto de parceiros. Do lado da indústria, há cerca de 15 empresas que já se veicularam à iniciativa. No domínio da investigação, os parceiros fundadores são o Instituto de Sistemas e Robótica do IST e a Sociedade Portuguesa de Robótica.

As entidades que se predispõem a cooperar vão ainda trabalhar em modelos que permitam agilizar o cluster e fazer nascer novos projetos deste encontro de vontades. Entretanto, nascem cinco espaços de experimentação na capital, onde podem ser testados robots com os mais diversos fins.

Outros objetivos das entidades que partilham a iniciativa passam por criar um Living Lab numa zona da cidade, para mostrar ao público diversos tipos de projetos de robótica, pela criação de uma incubadora de empresas no Lispolis e de um grupo de reflexão sobre questões éticas e legais no domínio da robótica, detalha o Expresso.

A Lisbon Robotics quer afirmar-se como marca, para promover o nome da capital portuguesa nesta área e o potencial da indústria e dos centros de investigação da região. Um dos grandes desafios do projeto, admitem os promotores, será identificar um modelo de governação que alinhe vontades e bons argumentos para que as várias entidades passem a trabalhar de forma mais articulada.

Referências neste domínio na capital são já o Instituto Superior Técnico, com três institutos ligados à robótica e tradição na investigação nesta área. O mais conhecido será o INESC-ID, dedicado à engenharia de sistemas e computadores, mas o ISR (Instituto de Sistemas e Robótica) e o IDMC (Instituto de Engenharia Mecânica) fazem parte da mesma lista.

 

 

 

 

 

 


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados