Partilhe nas Redes Sociais

Maioria das empresas em Portugal não se consideram preparadas para a inteligência artificial 

Publicado em 20 Junho 2023 | 466 Visualizações

Os dados foram compilados pela Equinix no 2023 Global Tech Trends Survey e indicam que 6 em cada 10 líderes de Tecnologias de Informação entrevistados em Portugal reconhecem que as infraestruturas tecnológicas das suas empresas não estão totalmente preparadas para as exigências da inteligência artificial. Os dados apurados mostram assim que os responsáveis em Portugal têm mais dúvidas sobre este tema que a média global dos inquiridos, 2.900 no total. 

A conclusão espelha a mesma tendência apurada para a EMEA, onde se verifica que os gestores estão mais inseguros relativamente à capacidade da sua infraestrutura poder acomodar as necessidades da IA (49%), do que noutras regiões, como na Ásia-Pacífico (44%) e nas Américas (32%).

Carlos Paulino, managing director da Equinix em Portugal, acredita que entre os desafios que pressionam as empresas em Portugal estão a «reestruturação das suas equipas de TI, causados principalmente pela aceleração da transformação digital, pela necessidade de retenção de talentos, ou ainda pela existência de habilitações desajustadas». 

Voltando aos números, a pesquisa revelou que 82% dos inquiridos têm planos para tirar já partido das tecnologias de IA, ou planos para usá-la em diversas funcionalidades principais. O valor, neste caso, está mais alinhado com a média global apurada pelo estudo, que ficou nos 85%. 

Por áreas, as operações de TI (82%), a pesquisa e desenvolvimento (75%), a segurança cibernética (71%) e o desenvolvimento da experiência do cliente (70%) são aquelas onde foi identificado maior interesse no recurso à IA em Portugal.

 «Os líderes tecnológicos a nível mundial estão a acelerar a integração da IA nas suas organizações e esta tecnologia está a tornar-se, cada vez mais, uma capacidade crítica para implementar sistemas inteligentes e autónomos, que se mostram essenciais nos dias de hoje», sublinha Kaladhar Voruganti, Senior Technologist na Equinix. «Quem não maximizar a sua utilização, poderá perder terreno no atual mundo dos negócios”, acrescenta o responsável. 


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados