Partilhe nas Redes Sociais

Mercado de BI e analítica cresce 7,3% em 2017

Publicado em 20 Fevereiro 2017 | 558 Visualizações

As receitas globais do mercado de Business Intelligence (BI) e analítica vão atingir 17,2 mil milhões de euros  (18,3 mil milhões de dólares ) em 2017, o que representa um crescimento de 7,3% em relação ao ano passado. Os dados são do mais recente relatório da Gartner, que prevê receitas de 21,4 mil milhões de euros no final de 2020.

O interessante da análise é a Gartner referir que os segmentos de BI e analítica modernos continuam a expandir mais rapidamente que o total do mercado, compensando a quebra no investimento em BI tradicional.

A consultora refere que as plataformas modernas emergiram nos últimos anos para endereçarem novos requerimentos organizacionais no que toca a acessibilidade, agilidade e insights analíticos. Desta forma, o foco desviou-se do reporting liderado pelas TI para a análise movida pelo negócio, incluindo analítica self-service.

«As decisões de compra continuam a ser fortemente influenciadas por utilizadores e executivos que querem maior agilidade e a possibilidade de pequenas implementações ao nível pessoal e departamental para provarem o sucesso», explica Rita Sallam, vice-presidente de pesquisa na Gartner. A analista sublinha também que os modelos de aquisição mais adaptados ao ambiente corporativo se tornaram críticos para as implementações bem sucedidas.

O outro lado da moeda

Embora os números da Gartner para este ano sejam positivos, a consultora avisa que se está a verificar um abrandamento sustentado – algo que não é surpreendente nos mercados à medida que amadurecem. Em 2015, o ritmo de crescimento foi de 63,6%; em 2020, será de 19%. A consultora acredita que isto reflete, precisamente, a movimentação da analítica para o mercado mainstream. A expansão em números absolutos vai continuar, mas o volume de negócios será afetado pela pressão que o alargamento colocará no preço.

«As organizações vão beneficiar dos fabricantes inovadores que continuam a emergir, bem como do investimento significativo em inovação dos grandes fornecedores e de startups com financiamento», acrescenta Sallam. No entanto, este responsável diz que elas precisam de ser «mais cuidadosas na limitação da sua dívida técnica, que pode ocorrer quando múltiplas soluções stand-alone com valor de negócio demonstrável são transformadas em implementações sem a devida atenção ao design e suporte».

As sete dinâmicas de expansão

Segundo a Gartner, o mercado de BI e analítica modernos está a ser influenciado por sete dinâmicas:

  • BI moderno em larga escala vai dominar as novas aquisições.
  • Emergência de capacidades de descoberta inteligente de dados, aprendizagem de máquina e automação, em grande parte liderada por novos players.
  • Necessidade de datasets mais complexos leva a mais investimento na preparação dos dados.
  • Analítica embebida em aplicações é uma das maiores tendências.
  • Maior interesse e utilização derivados do suporte a eventos em tempo real e streaming.
  • Interesse em implementações na nuvem continuará a crescer.
  • Novas oportunidades de compra e venda de capacidades analíticas em marketplaces.

 


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados