Partilhe nas Redes Sociais

Mini-frigorífico para guardar medicamentos vence concurso de startups da Web Summit

Publicado em 9 Novembro 2017 por Ntech.news - Cristina A. Ferreira | 741 Visualizações

É francesa, a startup eleita como a melhor da edição deste ano da Web Summit. Foi ao evento mostrar aquilo que apresentou como o frigorífico mais pequeno do mundo. Chama-se LifeinaBox e serve para guardar medicamentos que precisam de condições especiais de armazenamento. O dispositivo liga-se a uma aplicação móvel, a partir da qual é possível monitorizar a temperatura de funcionamento, mas que também serve para ajudar o doente a não falhar as tomas necessárias, avisando-o.

A Lifeina revelou entretanto que já tem 8.700 pré-reservas para o seu mini-frigorífico portátil, que pretende comercializar em todo o mundo, com preços a partir dos 150€. Vai começar pelos Estados Unidos e pela Europa.

À final do concurso de startups da Web Summit chegaram ainda a Jauntin e a Watr. A primeira desenvolveu uma plataforma, acessível através de uma aplicação móvel, que vende seguros on demand. Ou seja, à medida das necessidades concretas do utilizador e para o momento em que é necessário contrair este tipo de serviço – para uma viagem por exemplo – sem a burocracia dos processos de subscrição tradicionais.

Opera com base em parcerias com seguradoras, mas simplifica o processo de contratação do serviço, trocando formulários extensos pelo preenchimento de um conjunto de dados numa aplicação móvel.

A Watr criou um dispositivo que permite verificar a qualidade da água em tempo real e de forma permanente, que também se liga a uma aplicação móvel para fornecer todos os dados que vai recolhendo e analisando das águas onde é colocado. Os fundadores acreditam ter encontrado uma forma de levar informação que pode ser preciosa para evitar envenenamentos ou tomar decisões de negócio, a qualquer interessado e a preços relativamente acessíveis.

A startup vencedora da edição deste ano do concurso de pitches da Web Summit garantiu um prémio de 50 mil euros e o acesso a um programa de aceleração do patrocinador, a Mercedes.


Publicado em:

Startups

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados