Partilhe nas Redes Sociais

Portugueses compram pouco online neste Natal mas gastam mais

Publicado em 12 Dezembro 2018 | 648 Visualizações

Só 3% dos portugueses inquiridos no estudo Observador Cetelem admitem que farão as compras de Natal na internet. Neste universo, o valor médio estimado para a compra de presentes é de 203€, número que representa um crescimento com alguma expressão do orçamento médio previsto para a tarefa em 2017, quando não ia além dos 85€.

Entre os portugueses que preferem os canais online para fazer as suas compras de Natal, os produtos culturais são os artigos mais escolhidos, de acordo com a mesma pesquisa, realizada em setembro, através de consulta a 600 pessoas residentes no continente, com idades entre os 18 e os 65 anos.

A maioria dos portugueses (70%) prefere os centros comerciais para fazer as compras da quadra. Um pouco menos de metade dos inquiridos na pesquisa (45%) opta fazer as compras de Natal em super ou hipermercados e 26% afirmam ter intenção de reservar a tarefa para o comércio tradicional. Já 9% dos inquiridos preferem recorrer a pequenas lojas, feiras e mercados.

Em comparação com o ano passado é de registar um decréscimo significativo da preferência pelo comércio tradicional, no que se refere às compras da quadra.  Em 2017, 48% dos inquiridos na mesma pesquisa apontavam esta preferência.

 


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados