Partilhe nas Redes Sociais

Wiko quer continuar a mudar as regras do jogo no mercado de smarthphones

Publicado em 27 Outubro 2015 | 622 Visualizações

Depois de em 2013 ter incluido Portugal no seu mapa de expansão, a Wiko faz um balanço positivo da sua incursão pelo mercado português. A segunda posição como marca de smartphones mais vendida no mercado livre português nos últimos 18 meses é, segundo Manuel Ferreira, country manager da empresa francesa um marco a assinalar. Para este este responsável a estratégia disruptiva que introduziram no mercado nacional tem mostrado que foi uma boa aposta. Manuel Ferreira garante que desde a primeira hora o objectivo da empresa foi «colocar a tecnologia ao serviço das pessoas».

 

Segundo dados da consultora GFK, nos últimos 12 meses, a Wiko alcançou uma quota de 14% no mercado livre nacional, sendo que entre os 20 smartphones mais vendidos em Portugal encontram-se três terminais da empresa, nomeadamente o Ridge 4G, o Sunset 2 e o Lenny.

 

Nos últimos dois anos a empresa estima vendas na ordem dos 400 mil smartphones, um número que promete aumentar durante os próximos meses, nomeadamente através da entrada no mercado de operadores. «Já estamos em conversações com os operadores e até ao final do ano teremos modelos novos nesse segmento de mercado», avançou Manuel Ferreira. O responsável diz que esta comunicação com os operadores no sentido de um entendimento comercial foi sendo adiada devido ao foco da empresa no crescimento do negócio no mercado nacional e que este é o momento ideal para avnaçar nesta matéria sem comprometer a sustentabilidade da actividade da companhia.

 

Com a tecnologia, o design, a qualidade e o preço a nortearem a sua estratégia, a Wiko reafirma assim a sua posição no mercado nacional em 2015 e afirma-se como um «Game Changer» disposta a mudar as regras do jogo no mercado das telecomunicações, democratizando «a melhor tecnologia, a cor e uma experiência de utilização diferenciadora».


Publicado em:

Negócios

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados