Partilhe nas Redes Sociais

Incentivo ao empreendedorismo dá primeiros passos na IT People

Publicado em 7 Dezembro 2018 por Ana Rita Guerra | 46 Visualizações

A política de incentivo ao empreendedorismo interno na tecnológica portuguesa IT People Innovation deu os primeiros resultados em 2018, com a criação de uma startup que foi incubada nos últimos dois anos dentro do grupo. A BigAR «surgiu de uma ideia apresentada por um colaborador nos escritórios das Covilhã», segundo conta Sandra Lourenço, responsável pela área de talent management da empresa, e já tem uma estrutura de seis empregados.

A criação da startup, que esteve no programa Beta do Web Summit, enquadrou-se na estratégia de fomento do «espírito de inovação e empreendedorismo dos colaboradores», algo que é «transversal» a todo o grupo. Rute Santos, diretora de operações da IT People Innovation, explica que «existe toda a disponibilidade para ouvir ideias de negócio disruptivas ou novas formas de resolver problemas do dia-a-dia.»

Esta é uma das estratégias da empresa portuguesa para a retenção de talento, num ano em que o número de quadros aumentou 28% com a abertura de um escritório no Porto e totaliza agora 120 profissionais. «A par de outras estratégias que já tínhamos implementadas, estamos a consolidar os nossos processos de acompanhamento e desenvolvimento de RH», adianta Rute Santos, «sendo que a nossa aposta passa por fomentar um ambiente propício ao equilíbrio físico e emocional, que se reflete na produtividade profissional e bem-estar pessoal.»

A IT People tem agora escritórios em Lisboa, Porto e Covilhã, com quatro grandes eventos anuais de convívio e team building. Manter um ambiente «com diversidade de opiniões e espírito de cooperação» é um dos propósitos.

Em 2018, o grupo entrou na lista da Exame de Melhores Empresas para trabalhar em Portugal.


Publicado em:

Talento

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados