Partilhe nas Redes Sociais

PUB

Internacionalização e expansão das soluções digitais marcaram o ano de 2019 para a EAD

Publicado em 25 Maio 2020 | 243 Visualizações

A EAD apresentou os resultados financeiros do ano passado, que a companhia portuguesa especializada em soluções de gestão documental encerrou a crescer 12%, para uma faturação de 5,2 milhões de euros.

Um dos principais destaques da atividade em 2019 vai para o facto da componente de negócio tradicionalmente mais forte da marca, a custódia e gestão de arquivo físico, representar já menos de metade da faturação (48% em 2019 vs 53% em 2018).

Por oposição, as soluções digitais de gestão documental têm ganho peso no negócio da empresa, bem como o BPO e os serviços de MailRoom Digital, destaca a empresa, que em 2019 deu também um passo importante no processo de internacionalização. A EAD abriu durante o ano passado a sua primeira filial fora do país e escolheu Bucareste, capital da Roménia para fixar esta nova aposta estratégica.

Nos números relativos a 2019 a EAD também informa que os lucros se fixaram nos 783 mil euros, mais 116 mil que no ano anterior. A margem de EBITDA foi de 1,2 milhões de euros.

A empresa revelou ainda que, durante o ano passado, digitalizou 28,4 milhões de páginas, mais 10,4 milhões que no ano anterior. A carteira de clientes passou para um total de 1200, mais 200 que um ano antes. O número de colaboradores da empresa fixou-se nos 160.

«Para 2020, o grupo EAD irá prosseguir com a sua estratégia de consolidação da liderança no mercado nacional da gestão documental, apresentar novas soluções tecnológicas aos seus clientes nacionais e reforçar a presença no mercado romeno», revela ainda a companhia na nota de imprensa dos resultados.
.


Publicado em:

Negócios

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados