Partilhe nas Redes Sociais

Opensoft está à procura de talento nas universidades

Publicado em 14 Fevereiro 2019 | 394 Visualizações

Chama-se Opentour, o roadshow que a Opensoft faz anualmente para se dar a conhecer nas universidades portuguesas e atrair talento, nas áreas da engenharia e programação. A edição deste ano já está na estrada.

Os números da tecnológica revelam que 70% das contratações já resultam do contacto direto com alunos e em 2019, este canal de recrutamento voltará a ter lugar de destaque. Mariana Sousa, responsável de recursos humanos da empresa, adianta que a Opensoft planeia contratar 20 engenheiros de software e programadores ao longo do ano, num «equilíbrio entre profissionais com e sem experiência prévia».

A empresa também fomenta a ligação com as universidades promovendo estágios e acolhendo teses de mestrado, garantindo que muitos dos alunos com quem estabelece uma primeira ligação por uma destas via, acaba por integrar os quadros da Opensoft.

O Opentour arrancou na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, com um workshop sobre Lightweightform, uma framework para o desenvolvimento de front-end, nomeadamente de formulários com muitas validações e regras de negócio complexas. Esta é uma ferramenta open source, gratuita e desenvolvida pela Opensoft.

Além dos workshops, o roadshow também prevê a realização de talks e feiras de emprego. Este ano passará por eventos como a Semana Informática do Instituto Superior Técnico (SINFO), o FISTA (Forum of ISCTE-IUL School of Technology and Architecture), ou o hackathon promovido pela FCT/UNL.

A Opensoft admite que a iniciativa é um espaço privilegiado para dar a conhecer as competências e a cultura da empresa e com este intuito aproveita também o périplo pelas universidades, para convidar os alunos para uma visita de job shadowing à equipa. Objetivo: «perceberem na prática o que a Opensoft faz e como é o dia-a-dia dos vários profissionais que integram a empresa».

O recrutamento na Opensoft tem três fases, que incluem uma entrevista de perfil; uma entrevista técnica para avaliar as competências e uma conversa final com o diretor-geral da empresa, para os candidatos com boa performance nas duas primeiras fases de seleção.


Publicado em:

Talento

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados