Partilhe nas Redes Sociais

Sonae incluída nos Open Innovation Challengers na Europa

Publicado em 29 Novembro 2018 por Ana Rita Guerra | 96 Visualizações

A Sonae foi distinguida pela Startup Europe Partnership da Comissão Europeia com a inclusão na lista de Open Innovation Challengers, o que a coloca entre as melhores empresas europeias a trabalhar com startups. A distinção baseia-se na opinião das próprias startups europeias e abrange todo o universo Sonae com trabalho desenvolvido neste segmento – retalho, Sistemas de Informação (BIT), Sonae IM, NOS e Sonae Sierra.

«Mais uma vez, a Sonae é premiada pela disponibilidade e abertura para com as startups europeias», congratulou-se Nuno Lopes Gama, diretor de Inovação e Tecnologias Emergentes na Sonae. Para o responsável, o reconhecimento internacional «traduz a aposta crescente» dos negócios do grupo em projetos de inovação, «com o objetivo de criar vantagens competitivas relevantes e duradouras e por isso capazes de reforçar as posições de liderança do grupo», salientou.

Esta não foi a única boa notícia para a Sonae no que toca a inovação. A empresa portuguesa também recebeu o prémio “Open Innovation Innovative Approach Award”, no âmbito do Europe’s Corporate Startup Stars, pela forma como trabalha com startups através da Bright Pixel – o estúdio que tem investido no capital de vários projetos e apostado em iniciativas consideradas disruptivas. O fundador do venture studio, Celso Martinho, considerou que foi um «reconhecimento importante» do trabalho da Bright Pixel.

Entre os projetos que levaram a este prémio, a Sonae destacou o Insert Coin, que promove o conceito de “startup on demand”, e o GovTech, um concurso promovido em parceria com o governo português para protótipos relacionados com um dos 17 objetivos de desenvolvimento sustentável definidos pela ONU, que foi simultaneamente um teste às tecnologias de blockchain.

O ranking Europe’s Corporate Startup Stars foi elaborado pela consultora em inovação Mind the Bridge e pela fundação para a inovação Nesta, no âmbito da iniciativa Startup Europe Partnership da Comissão Europeia. A SEP foi criada em janeiro de 2014 durante o Fórum Económico Mundial de Davos como primeira plataforma de inovação aberta pan-europeia dedicada a transformar as startups europeias em scaleups.


Publicado em:

Startups

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados