Partilhe nas Redes Sociais

Venda da Novabase Digital está concluída

Publicado em 13 Janeiro 2020 | 189 Visualizações

O negócio vai dar à Novabase um encaixe de 33 milhões de euros e colocar nas mãos do grupo Vinci Energies, que em Portugal é conhecido através da sua marca Axians, as operações de «application and data analytics» da tecnológica nacional em três setores: governo, transportes e energia.

A conclusão do negócio, anunciado no início de novembro, acontece agora, depois de confirmada a não oposição da Autoridade da Concorrência, que já analisou a operação e o seu impacto no mercado. 

À data do anúncio a Novabase sublinhava que a venda lhe permitiria «acelerar a execução da sua estratégia, libertando recursos importantes para os investimentos que pretendemos fazer e para honrar os compromissos que estabelecemos com os nossos acionistas». 

Recorde-se que Vinci e Novabase já tinham feito um negócio do género antes deste, quando em 2017 o grupo francês comprou a unidade de infraestruturas e serviços geridos da Novabase. Este primeiro negócio rendeu um pouco mais de 44 milhões de euros à Novabase.

A segunda unidade que a Novabase vende à Vinci faturou 35 milhões de euros em 2018 e emprega 400 colaboradores.


Publicado em:

Atualidade

Etiquetado:

negócioNovabaseVinci

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados