Partilhe nas Redes Sociais

Visa apostada na disseminação contactless nos transportes

Publicado em 1 Março 2018 por Ntech.news | 286 Visualizações

A Visa reforçou o seu programa Visa Ready for Transit com a integração de 14 novas empresas de tecnologia de mais de 10 países. Estamos a testemunhar o interesse renovado de empresas, relacionadas com transportes, em todo o mundo que querem saber como é que as recentes inovações nos pagamentos podem melhorar as experiências dos seus clientes», sustenta Jason Blackhurst, vice-presidente senior para a Inovação e Parcerias Estratégicas da Visa.

Desde o lançamento do Visa Ready for Transit, este responsável contabiliza a integração de 16 parceiros de tecnologia no programa, desde pequenas empresas de tecnologia até organizações multinacionais. «Cada um desses parceiros está capacitado para ajudar a ampliar os benefícios da tecnologia de pagamento digital da Visa para empresas de transportes a nível global», revela Blackhurst.

O Visa Ready for Transit foi anunciado pela primeira vez, em novembro de 2017, com os parceiros iniciais Vix e Worldline. O programa permite aos programadores garantir que a sua solução está em conformidade com os padrões e especificações de segurança da Visa.

Satisfação do cliente é prioridade

A experiência dos utilizadores é uma preocupação para a empresa em todas as áreas, assim como neste segmento dos transportes. O Centro de Transporte de Excelência é um exemplo desse posicionamento. Segundo Bill Gajda, vice-presidente sénior para a Inovação e Parcerias Estratégicas da Visa, o Centro de Transporte de Excelência avalia de que modo é que as novas tecnologias podem transformar a experiência do consumidor através credenciais digitais para tornar mais fácil para os fornecedores de viagens e transporte integrarem os pagamentos nas etapas do cliente, sem obstáculos.

Com base no trabalho desenvolvido com empresas de transporte, como a Transport for London e a Uber, o Centro de Excelência de Transporte da Visa pretende melhorar todas as etapas do serviço ao consumidor. A Visa promove sessões de cocriação no seu Centro de Inovação em Londres junto dos seus parceiros em transportes, bancos e retalho com o objetivo de remover os obstáculos nas viagens e criar métodos novos e mais convenientes de aceder e efetuar pagamentos nos transportes.

«A Visa criou um ambiente colaborativo que permite aos programadores reinventarem a jornada do consumidor em qualquer meio de transporte assim como os passos necessários para tornar essa visão uma realidade», sustenta Gajda. Através da Visa Developer Platform, os programadores têm acesso a APIs (Application Program Interfaces) e SDKs (Software Development Kits) para criar a próxima geração de aplicações.

 


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados