Partilhe nas Redes Sociais

Nuvem híbrida e serviços empurram Syone para crescimento de 24,6%

Publicado em 3 Dezembro 2018 por Ana Rita Guerra | 119 Visualizações

GSTEP resultados

A Syone reportou uma faturação de 6,6 milhões de euros no terceiro trimestre de 2018, o que representa uma subida de 24,64% em relação ao periodo homólogo e leva a empresa portuguesa a prever que o índice de crescimento este ano será superior aos últimos cinco.

Na base do bom desempenho está a adesão dos clientes a nuvens híbridas, que a companhia oferece a partir das parcerias com a Red Hat e a Microsoft. Além disso, está em alta a área de serviços geridos, que são fornecidos pela Software Factory da empresa e se focam sobretudo em modernização aplicacional.

O diretor de vendas Tiago Fonseca refere que já foi superado o volume de faturação de 2017 e por isso as perspetivas de crescimento no global do exercício estão em máximos de cinco anos.

A tecnológica destaca o crescimento nos mercados internacionais, que representam mais de 50% do volume de negócios, e aponta para novas parcerias estratégicas que poderão ser anunciadas ainda em 2018.

A nível interno, a Syone indica que está a ser registado um «reforço de atividade no mercado nacional, sobretudo a norte do país.» Assim se justifica também a expansão da equipa, com 80 pessoas contratadas desde o início do ano – o que levou à renovação do escritório em Lisboa – e mais 20 vagas abertas para recrutamento até final de 2018.


Publicado em:

Negócios

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados