Partilhe nas Redes Sociais

PUB

Samsung e Legrand testam IoT nos hotéis Marriott

Publicado em 28 Novembro 2017 por Ana Rita Guerra | 394 Visualizações

A cadeia hoteleira Marriott International está a desenhar o quarto de hotel do futuro em parceria com a Samsung e a Legrand. Os dois parceiros tecnológico vão levar dispositivos IoT (Internet das Coisas) aos hotéis, proporcionando uma experiência «futurista» aos hóspedes. O conceito destes quartos está a ser desenhado pelo Innovation Lab do Marriott, na sede da empresa, e materializado no Iot Guestroom Lab. Trata-se de um quarto inteligente, com dispositivos que comunicam entre si e permitem melhorar aspetos operacionais do hotel.

O Lab será alvo de experiências durante três meses, período após o qual a Samsung e a Legrand vão analisar o feedback dos utilizadores e fazer os ajustes necessários. Os elementos das tecnologias aplicadas poderão ser vistos nos quartos de hotel durante os próximos cinco anos, projeta a Marriott.

«Sabemos que nossos hóspedes desejam personalizar quase tudo nas suas vidas, o que não é diferente com as suas experiências em hotéis», diz Stephanie Linnartz, diretora comercial global da Marriott International. Ao assinar parcerias com empresas líderes do sector, «usamos tecnologia móvel e ativada por voz para que os hóspedes possam configurar o quarto da melhor forma, criando um ambiente relaxante ou produtivo de acordo com as suas necessidades», acrescenta a responsável.

A tecnologia do IoT Guestroom Lab permite, por exemplo, que o hóspede use um assistente virtual para definir o alarme para as seis da manhã. Também poderá programar sessões de ioga num espelho inteligente de corpo inteiro, solicitar o serviço de quarto e definir a temperatura ideal do chuveiro. As informações ficam salvas no perfil do cliente e são ativadas por voz ou aplicação, sendo que, do outro lado, os sistemas vão garantir maior personalização do atendimento. Por exemplo, os funcionários poderão oferecer os serviços que os hóspedes querem no momento certo.

«Da iluminação intuitiva aos controlos ativados por voz, oferecemos experiências personalizadas e inteligentes que trazem mais conveniência, produtividade e segurança à vida dos clientes», refere James Stansberry, vice presidente sénior e diretor geral da ARTIK IoT na Samsung Electronics. Trata-se de um projeto importante para o conglomerado sul-coreano, que está a tentar estabelecer a sua plataforma SmartThings como a referência no mundo da IoT – um hub que ligará todas as coisas inteligentes. Stansberry explica que a empresa vai oferecer «elevados níveis de controlo e personalização» de dispositivos através da plataforma ARTIK e da SmartThings Cloud.

Quanto à Legrand, empresa especializa em infraestruturas elétricas e de construção digital, irá fornecer diversas soluções. A fornecedora tem a decorrer nos EUA o programa global Eliot, virado para a IoT, e esta parceria com a Marriott vai ajudá-la nessa estratégia. O responsável de contas globais da empresa, Kenneth Freeman, sublinha que as soluções oferecidas vão trazer «potência e conectividade a contextos anteriormente impensáveis».


Publicado em:

Projetos

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados