Partilhe nas Redes Sociais

PUB

GMV: Innovating solutions in Cybersecurity

Norte Digital: Um projeto para levar as PME da região norte à economia digital

Publicado em 11 Outubro 2017 por Ntech.news - Rui da Rocha Ferreira | 1253 Visualizações

Norte Digital

Os números são como o algodão, não enganam, e no caso de Portugal 61% das empresas não têm presença online. É um valor que preocupa, sobretudo sabendo que as micro e pequenas empresas são as organizações que apresentam um pior desempenho neste ponto de análise – apenas 32% das micro empresas e apenas 63% das pequenas empresas têm uma presença online.

Grandes problemas exigem grandes medidas e é nesse sentido que surge o programa Norte Digital. Esta é uma iniciativa da Associação da Economia Digital (ACEPI) e que vai recorrer aos fundos do programa Norte 2020 para investir quase um milhão de euros no apoio à entrada das PME da região norte na economia digital. O objetivo é aumentar os níveis de exportação de algumas empresas.

Para atingir este objetivo a iniciativa Norte Digital vai apostar em duas vertentes: sensibilização para os potenciais da economia digital junto das empresas e implementação de estratégias digitais em 50 projetos-piloto.

«Sensibilização no sentido de alertar as PME para estes novos desafios, sensibilização no sentido de elucidar as PME com resultados de estudos que nós vamos fazer, estudos que vão fazer um levantamento de requisitos que as PME do norte necessitam de ter para acederem a marketplaces, para iniciarem operações de eCommerce», começou por explicar o coordenador do Norte Digital, António Teixeira, em entrevista ao Ntech.news.

«Por outro lado este projeto, além dessa sensibilização, vai ter uma componente experimental, um piloto em cerca de 50 empresas onde vão ser feitos projetos de qualificação de cada uma dessas empresas, provavelmente com uma consultoria especializada empresa a empresa. Ainda não está bem definido quais são as empresas, nem como vai funcionar», acrescentou.

O projeto Norte Digital foi anunciado ontem, 10 de outubro, na sessão de abertura da Portugal Digital Week, e ao longo dos próximos meses vai trabalhar para a definição do seu plano de ‘ataque’. Será a partir do início de 2018 que as empresas vão ter acesso a ações mais concretas.

Da execução aos resultados

Apesar de o programa ser dirigido a todas as PME da região norte, há no entanto algumas linhas indicadoras sobre quem poderá beneficiar mais com a iniciativa. «O que queremos privilegiar são empresas com capacidade produtiva, isto é, empresas que ao montarem uma estratégia digital tenham depois meios e recursos para alimentar as vendas e para, se for caso disso, aumentar a produção para promover a transação eletrónica dos seus bens e dos seus serviços», revelou António Teixeira.

Já no que diz respeito às áreas de atividade há uma preferência por empresas ligadas aos sectores que tipicamente estão associados ao norte do país, como a produção têxtil ou a indústria do calçado. Mas o convite fica feito também para quem queira aumentar as suas exportações e possa não pertencer a estas atividades mais tradicionais.

«Nós temos de ter uma orientação, orientação que é algo que nós vamos dar às nossas empresas. Uma das componentes deste projeto é descodificar um pouco o que elas precisam em termos de investimentos, descodificar no sentido de ajudar a construir estratégias de marketing digital, ajudar a construir recursos a empresas especializadas», explicou o coordenador do projeto.

O fundo para este programa, que segundo António Teixeira não chega a um milhão de euros, vai ser aplicado durante dois anos e é mandatório que existam resultados visíveis das ajudas prestadas.

«Temos de garantir que há resultados, isto é, uma empresa antes do projeto era uma coisa, uma empresa depois do projeto é outra coisa e que neste intervalo houve um programa, um projeto, o Norte Digital, que contribuiu de forma ativa, decisiva ou significativa para que fosse dado um salto da transformação da empresa».


Publicado em:

Atualidade

Partilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados